17.1.13

Uma decisão que tem de ser responsável

Ofereceram-me uma cadelinha arraçada de Labrador. Eu não pedi nada, só que até (!) tenho amigos daqueles bons e vieram-me com a surpresa de ficar com uma das crias da Nancy.
Vou meditar.

5 comentários:

Djow disse...

Realmente é uma decisão responsável :) são cães que requerem algum trabalho e algumas condições essenciais.
Espero que possas ficar com a cria! São mesmo lindos... beijo

_grey_ disse...

Já meditámos e afinal vamos adiar ter uma cadelinha por casa.
O factor 'tempo disponível' foi decisivo. Talvez quando me tornar dondoca possa voltar a ter um cão. Até lá, a nossa vida está tão preenchida que, neste momento, ter um cachorro seria um contra-relógio incompatível com a necessidade e responsabilidade que 'isto' exige.
Os meus amigos compreenderam perfeitamente os meus motivos. Fica para a próxima ninhada da Nancy.

Djow disse...

Pois, um cão implica muito tempo disponível... Eu sou uma pessoa de gatos, por isso nem sei bem o que esse tempo implica, mas sei que existe :)

_grey_ disse...

Eu não sou amante de gataria, confesso. Não lhes faço mal, mas não é animal que me apaixona. :) Se todos gostassemos de amarelo, que seria do roxo!
:*

*C*inderela disse...

Se não têm tempo fizeram bem. Um animal precisa de atenção, ainda por cima um labrador que é todo meiguinho.
Nós temos um e é uma verdadeira doçura, só quer companhia e festas.

Bjokas.

Logo terei o trabalho árduo de ajudar o meu filho a decorar uma abóbora. Help.